Estudos em Tiago – introdução


by

Tiago, servo de Deus e do Senhor Jesus Cristo, às doze tribos que andam dispersas: saúde (Tiago 1:1).

Introdução.

Como cristão, qual a sua reação ao atravessar circunstâncias difíceis e duradouras? A maioria dos cristãos ao redor do mundo, verdadeiramente, não sofrem por causa de sua fé em Cristo, pelo menos, não nos últimos tempos. É certo que existem países onde há perseguição ao cristianismo, mas como disse, a grande maioria possui liberdade para servir ao Senhor e declarar publicamente a sua fé.

Ao iniciarmos o estudo na carta de Tiago, precisamos lembrar que a igreja do primeiro século sofria muito por causa de Cristo. Em meio ao sofrimento, aprenderam a respeito deles mesmos e também com relação à verdadeira natureza de sua fé.

Embora, as circunstâncias de hoje sejam diferentes, nós, cristãos, enfrentamos dias difíceis e complicados. Jesus mesmo disse que neste mundo passaríamos por aflições, ou seja, Ele não prometeu uma vida sem problemas, mas muitas pessoas que se declaram cristãs, pensam que, aquele que serve a Deus, deve viver conforme o dito popular: “sombra, água fresca e sapato largo no pé”. Esse adágio aponta para uma “boa vida”, coisa que muitos aspiram e buscam ao Senhor tentando alcançar essa “benção”. Não obstante, essa nunca foi a proposta do evangelho. Paulo, depois de ser apedrejado e dado como morto, se levantou e confirmou o ânimo dos cristãos das cidades de Listra, Icônio e Antioquia dizendo: …pois que por muitas tribulações nos importa entrar no Reino de Deus” (Atos 14:22).

Ao mencionar nas primeiras linhas do parágrafo anterior que nós, nos dias de hoje, enfrentamos tribulações e diversas dificuldades, necessário se faz dizer que essas tribulações e aflições demonstram a verdadeira natureza da fé que professamos ter em Cristo Jesus. No estudo da carta de Tiago, dirigida à igreja que padecia sofrimentos, consideraremos a realidade da nossa fé e sua manifestação nas aflições que enfrentamos ao viver aqui neste mundo.

Pano de Fundo do livro:

Segundo os estudiosos, a carta de Tiago foi escrita ao redor do ano 49 d.C., ou seja, quase vinte anos após a morte de Jesus e foi dirigida aos judeus que se converteram ao evangelho (às doze tribos que andam dispersas – Tiago 1:1). Tudo indica que esses judeus foram espalhados por causa da perseguição descrita em Atos 8:1-4 e, naqueles tempos, sofriam muito em razão da sua fé. Foram expulsos das sinagogas e, alguns, haviam sido separados de suas próprias famílias por causa de sua fé em Cristo. Muitos outros perderam seus trabalhos e, quem tinha o seu próprio negócio, sofria boicotes. Tal perseguição acabou produzindo um interesse na defesa própria. De acordo com alguns, eles buscavam a proteção de si mesmos e não se importavam em ajudar uns aos outros. Tiago, o pastor da igreja de Jerusalém, consciente da sua responsabilidade pastoral, escreveu aos dispersos que haviam saído da sua igreja. 

Propósito e Tema:

Tiago tem em mente três propósitos principais, e, com isto no coração lhes escreve para:

  • Entusiasmá-los na aflição.
  • Corrigir certos erros que estavam entre eles.
  • Ensinar-lhes como viver em tempos de desânimo e aflição.

Para alcançar seus propósitos, Tiago lhes desafia a confiar totalmente no Senhor, mesmo diante de uma acirrada perseguição. A fé que ele deseja ver, é uma fé viva que se manifesta em obras, pois uma fé assim, produz frutos em todo o tempo, inclusive em tempos de angústia e aflição.

Organização:

O autor estabelece princípios fundamentais que estruturam e norteiam a sua carta, senão vejamos:

  1. A fé viva suporta a tribulação – 1:2-12
  2. A fé viva vence a tentação – 1:13-27
  3. A fé viva não faz acepção de pessoas – 2:1-13
  4. A fé viva produz obras – 2:14-26
  5. A fé viva controla a língua – 3:1-12
  6. A fé viva produz paz – 3:13-5:6
  7. Exortações complementares – 5:7-20

Finalizamos por hoje, mas gostaria de estimular você a estudar conosco esse maravilhoso livro. Tiago enfatiza os aspectos práticos da vida diária do cristão, e todos aqueles que amam a Palavra de Deus, devem atentar para os registros desta carta.

Em Cristo Jesus,

Pr.  Natanael Gonçalves

 

share

Recommended Posts

Comments

  1. Leandra Fernandes Michael : Março 2, 2017 at 1:08 pm

    A Paz pastor Natanael!
    Muito obrigado por seus estudos. Eles são realmente muito edificantes. Que o Senhor continue lhe guiando, ajudando, fortalecendo na fé para que vc continue a Obra para qual foi chamado. Estes estudos tem sido de grande importância para mim.
    Muito obrigado e por favor não pare nunca!
    Abraços
    Leandra Fernandes

    • Olá querida! Graça e Paz!

      Obrigado pelos seus comentários. Eles me estimulam a prosseguir cada dia.

      Que o Senhor derrame bênçãos incontáveis sobre a sua vida e família,

      Pr. Natanael

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *